NOTÍCIAS


Três Barras registra pontos de alagamentos e interior e 26 famílias retiradas de suas casas neste domingo

Nas últimas horas, foi registrado o transbordo dos Rios Negro, Barra Grande e Canoinhas em alguns pontos do município de Três Barras, causando assim trechos de alagamentos no Jardim Rio Negro, e bairros Zilda Pacheco/Argentina, João Paulo II e Bom Jesus, que ficam na sede do município; no distrito de São Cristóvão; e também em localidades interioranas como Colônia Tigre, Campininha e São João dos Cavalheiros.

Devido às cheias, nove famílias do distrito de São Cristóvão foram retiradas de suas casas na noite deste domingo, 08. Quatro delas foram levadas para o abrigo público montado no ginásio de esportes da escola estadual Frei Menandro Kamps. Outras cinco foram encaminhadas para casas de familiares.

Já o ginásio de esportes Ione Cyriaco de Souza está abrigando nove famílias, sendo que seis delas chegaram ao local também na noite deste domingo. De acordo com a Defesa Civil, outras 11 famílias, que também residem na sede do município, foram encaminhadas para casa de parentes nas últimas horas.

“Estamos fornecendo abrigo, alimentação e materiais de higiene pessoal a todos aqueles que foram atingidos pelas cheias e estão solicitando ajuda”, informa o secretário municipal da Defesa Civil, Marcos Moskewen.

Segundo ele, apesar de todo o trabalho de orientação junto às famílias que residem em áreas baixas e propensas a inundações, a Defesa Civil tem encontrado dificuldade para convencer as pessoas a deixarem suas casas.

“Infelizmente, muitos esperam a água chegar na porta de casa para solicitar a retirada de seus pertences e buscar um abrigo seguro”, observa.

A orientação da Defesa Civil é para que a população fique atenta à movimentação das águas, principalmente aquelas famílias que moram em áreas de risco.

Situações de emergência devem ser comunicadas à Defesa Civil do município, através do telefone (47) 3623-0930 ou do WhatsApp (47) 9 9156-7079, que é o contato de plantão 24 horas; ou então ao Corpo de Bombeiros por meio do 193, ou a Polícia Militar pelo 190.

“Permanecemos em alerta monitorando os pontos de inundações e prontos para atender a qualquer chamado da nossa população”, garante Moskewen.

O Governo de Três Barras colocou toda sua estrutura à disposição da Defesa Civil, afim de dar suporte administrativo e operacional nos atendimentos aos atingidos pelas águas.

FONTE: CLUBEFM




09/10/2023 – Super FM

COMPARTILHE

SEGUE A @SUPERFM89.1

(47) 3653-1883

comercial@superfm89.com.br
Papanduva – SC

NO AR:
FURDUNÇO