NOTÍCIAS


Justiça determina fiança para motorista suspeito de atropelar ciclista em União da Vitória

O Poder Judiciário do Paraná concedeu liberdade provisória mediante pagamento de fiança para um rapaz de 26 anos, suspeito de atropelar e matar o trabalhador Márcio Henrique Castilho Gregório na madrugada de sábado, 11, na ponte dos Arcos em União da Vitória. Conforme apurado, até o meio da tarde de segunda-feira, 13, a fiança não havia sido paga e o rapaz continuava preso.

O motorista foi preso na tarde de sábado após a polícia receber uma denúncia. Ele havia fugido do local do acidente, deixando a vítima em estado grave sem prestar socorro.

O motorista foi enquadrado, pela prática dos delitos previstos nos artigos 302 e 306 do Código de Trânsito Brasileiro que se trata de “praticar homicídio culposo na direção de veículo automotor” e “conduzir veículo automotor com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência”.

Também foi apurado que o motorista passou por interrogatório, mas permaneceu em silêncio. Informações extraoficiais apontam que um companheiro, que também estaria no carro, confirmou que o rapaz havia ingerido bebida alcoólica.

O Poder Judiciário considerou que o motorista oferece baixa periculosidade, além de ser primário. A fiança fixada foi de 3,3 salários mínimos (em torno de R$ 4.340). O valor da fiança poderia ter sido de 10 salários mínimos, porém, devido a situação econômica do rapaz, considerada de baixa renda, houve redução prevista no artigo 325, §1º, II do CPP no patamar máximo.

Foi entrado em contato com o advogado da família do trabalhador que acabou morrendo, Allan Cesar Scheibe, que orienta a quem tiver informações que ajudem a reforçar os fatos para procurar a Delegacia de Polícia.

Fonte: Canal 4 TV




16/03/2023 – Super FM

COMPARTILHE

SEGUE A @SUPERFM89.1

(47) 3653-1883

comercial@superfm89.com.br
Papanduva – SC

NO AR:
FURDUNÇO