NOTÍCIAS


Casal é preso após confessar assassinato e ocultação de corpo de recém-nascida em Caçador SC

Um casal foi preso em flagrante no domingo (12) em Caçador, no Oeste de Santa Catarina, após confessar o assassinato de sua filha recém-nascida. O crime chocante ocorreu à tona após a polícia receber um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento da mãe da criança, feito por um familiar.

O pesquisador investigou que a mãe e o companheiro, de 22 anos, desenvolveu conhecimentos sobre o crime, enterrando a criança no fundo do chão da casa em que moravam. O casal já tinha dois filhos e, segundo a Polícia Civil, não queria mais ter mais filhos.

A investigação, iniciada na sexta-feira (10), foi investigada na prisão do casal 72 horas depois. A criança morreu há aproximadamente 10 dias, asfixiada entre o trajeto do hospital até a casa logo após o nascimento.

De acordo com o delegado Marcelo Colaço, da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso de Caçador (DPCAMI), os suspeitos confessaram o crime, entregando o local onde um bebê foi enterrado.

“A motivação foi simplesmente o fato de não quererem o filho. Eles já tinham dois filhos e decidiram acabar com a vida do terceiro e, depois, enterrar”, afirmou o delegado. A polícia não detalhou a causa da morte e quando o crime ocorreu.

Segundo a Polícia Científica, a vítima foi enterrada 50 centímetros abaixo do leito. O delegado destacou que não convenções uma motivação relacionada ao estado puerperal que pudesse alterar a capacidade de entendimento da mãe, ressaltando que o casal ocultou a gravidez da família e estava determinado a não ter mais um filho.




13/11/2023 – Super FM

COMPARTILHE

SEGUE A @SUPERFM89.1

(47) 3653-1883

comercial@superfm89.com.br
Papanduva – SC

NO AR:
FURDUNÇO